Metáfora, anacoluto, silepse
Catacrese, antítese, pleonasmo
Deixa-me pasmo
Em meus olhos, sepse
E a gramática, um marasmo

Msn, irc, skype
Blogs, flogs, orkut
Deixa-me put– !!
Um baralho sem naipe
Jogo sem regra: enuncia o caput!

Onde estão?
O til, a vírgula, o acento
O infinitivo? Tormento!
Talvez, só reste chavão
Cabeças de vento!

Aqui meu eu encontrei
Semblante tão risonho!
Mostrar-me-vos tal ser tristonho
Em imediato sentir-se um rei
Afinal, vós sois sonho!

Anúncios